Terça-feira, 25 de Março de 2008

E a porta abriu-se...

E a porta abriu-se,

não como muitas que pude espreitar,

mas nesta que pude entrar. Ainda não entrei,

mas palavras de porteiro, que abrirei,

palavras de aposento, que serei.

 

A tomarei, em palavras de humildade,

em ser de modestidade,

e sempre, em sinceridade.

Não quererei deixar, erros entrar,

como outrora que consenti estar.

 

Serei tudo ou nada, apenas eu,

serei verdade e justiça, entrega, dedicação,

paciência e ponderação.

Deixarei me ir onde devo caminhar,

onde devo, sofrer ou não, estar.

 

No que será, a pergunta surgirá,

estarás tu lá? não saberei,

mas independentemente do que serei,

por ti esperarei, por ti, o guardarei,

todo o amor que te darei.

 

Filipe

publicado por flipe às 13:46
link do post | comentar | favorito
7 comentários:
De eu_mesma a 25 de Março de 2008 às 14:09
Olá...
Mais uma vez tua poesia me deixa sem palavras...(:
Maravilhoso, gostei muito!
Bem filipe..
Vou abandonar o meu blog...
Não vou eliminar, não apenas vou deixar de escrever.
Perdeu todo o sentido continuar...
Apenas te desejo a maior felicidade. Desejo tudo de bom...
Continua a escrever..
Não deixes nunca de escrever pois tens um talento enorme e seria um erro deixares de o fazer.
Eu continuarei por aqui, quando poder venho aqui e comento, não ficarei desaparecida por muito tempo, apenas o tempo necessário de me restabelecer.
E assim te mando um enorme beijinho e até já...
Muita paz e amor para ti!
De flipe a 25 de Março de 2008 às 17:07
Tu mesma, foste,
tu mesma, triste ficaste,
quando por ele esperaste.
Tu mesma, fizeste caras corações,
sonhos, emoções, lembranças experanças.
Esperaste, fizeste esperar o seu olhar,
mas apenas silêncio, apenas o leve incênsio,
apenas o doce que ficou,
de tudo que passou.
Tu mesma, que fizeste escrever,
e em bloges, deixaste, o teu sofrer.
Tu mesma, agora em tristezas,
num até já, despedes-te em incertezas.
Tu mesma, palavras fizeste-me ouvir,
e carinhos sentir.
Tu mesma, que não esquecerei,
e a ti, um bocadinho do coração te darei.
Tu mesma, que tantos elogios fizeste deixar,
e eu, em nada faço criar,
apenas olho no além mar, e procuro aquele amar.
a ti mesma, sei que serás, feliz e amarás,
sei que a paz em ti viverá, e o amor te conquistará.
Eu mesmo, fiz escrever,
para tu mesma receber,
aceita o nada que fiz criar,
e caminha onde tiveres de estar.
Que a luz faça iluminar,
a felicidade que sempre em ti vai estar.

Filipe, muitos beijinhosss
E obrigada, mtooo
De Bel a 25 de Março de 2008 às 14:53
Olá Filipe...
Obrigado pela tua visitinha...espero que a tua Páscoa tenha sido bem boa.
Em relação ao teu post acho que está excelente ;).
Não tenhas medo de entrar e não demores muito a fazê-lo pois muitas vezes quando nos decidimos já a porta se encontra trancada...!
Mas se entrares dessa forma e com essas atitudes de certeza que ela estará lá...algures à tua espera ;).
Beijinhos grandes
De flipe a 25 de Março de 2008 às 17:13
Olá bel. Obrigado, 1º pelos elogios doces k deixas, mas acredito k n estará nada de exelente, apenas escrevi... ou fiz escrever.... e a minha páscoa, apenas mais uma páscoa, como outras... um domingo mais....e em relaçãoá tal porta, ela é bem real, e se quem mandar, me a abrir, continuarei procurendo em tudo o que disse, estar, ser, viver....e esperar... obrigada, e bg pelas tuas palvras, carinhos, forças... beijinhos
De Segredos!!! a 25 de Março de 2008 às 16:13
Muito muito bonito...

Parabéns...

:)

bj***
De flipe a 25 de Março de 2008 às 17:15
Obrigado... por leres, por sentires, por fazeres disto teu... e isto, n meu, será qd quiseres, tb teu.... beijinho e bg, mTTT OBG.
De soflor a 30 de Março de 2008 às 11:06
O medo de abrir a porta e ver o vazio... o medo da desilusão de vermos que não é a pessoa que queriamos ver... não deves esperar que te abram a porta porque do outro lado pode estar alguém com os mesmos medos e à espera que a porta seja aberta.
Beijo

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 44 seguidores

relojes web gratis

.Maio 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Talvez...

. Dói.

. Simplesmente não consigo

. Sopro o agora

. Morrer

. Poderia partir

. Não consigo

. Cerca-me um medo

. Seguro-me

. Por entre linhas

Hug
Photobucket