Domingo, 3 de Agosto de 2008

Azul...

Azul, sem rubor,

sem dor,

azul de cor,

de amor.

Azul dos céus,

dos mares,

dos sonhos véus.

Cor das palavras,

das letras,

que deixo ser,

que faço envolver.

O teu olhar…

o que me fará apaixonar,

encantar,

será azul?

Ou será um verde Sol,

que em azul de pureza,

se contempla sem destreza.

O desconhecido, será vencido,

quando o azul predominante,

vier avante,

e fizermos dos nossa vista,

azul sem mista,

azul de pura fantasia,

de eterna magia.

 

Filipe

 

 

 

 

publicado por flipe às 15:34
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De Melody * a 3 de Agosto de 2008 às 21:26
=''')
O Azul do Céu e Do Mar.
Como venero esses dois...uma fonte de inspiraçao, de calma e de agitaçao que ainda ninguem conseguiu explicar, quando me sinto triste é a olhar o céu que vou chorar
Esta tao Lindo o Poema
Escreves coisas mesmo...não há palavras
Perfeito !

Obrigada por me fazeres sorrir e acalmares-me com os teus poemas =)
De flipe a 3 de Agosto de 2008 às 22:43
Obrigado... e de nada tens d agradecer, de nada, eu sim, agradeço te sempre pelos tão... sinceros... tocantes.... bonitos...comentários que deixas... e o céu, o mar, mesmo a terra, é o que nos suporta... e o que permite a estes corpos viver...
Entendo o que dizes... qd triste, olhas o céu, as estrelas, e perante a imensidão, perante um horizonte desconhecido, deixas t ir... e deixas sair as tuas lágrimas, o doce salgado do teu coração...
Beijinhos e uma boa semana p ti....
obrigado... Sabes uma coisa..? gosto mt de biscoitos, e então de canela ou manteiga..UMMMM

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 44 seguidores

relojes web gratis

.Maio 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Talvez...

. Dói.

. Simplesmente não consigo

. Sopro o agora

. Morrer

. Poderia partir

. Não consigo

. Cerca-me um medo

. Seguro-me

. Por entre linhas

Hug
Photobucket