Sábado, 12 de Julho de 2008

E o mundo estava perto...

E o mundo estava perto,

um sentido fazia-se, iludia-se,

um desfrutar dum outrora,

renegado, jurado,

 que não podia ser mais tomado.

Não quis saber, apenas deixei,

apenas e somente chorei.

Que faço eu, deixo-me e deixo fazer,

para depois tudo perder,

tudo doer,

agarro um minuto, um tempo,

pelo fim de esquecimento,

de mágoa…

È isso?

Sinto antes de tocar,

amo antes de apaixonar,

digo amar quando não me vou dar…

É isso?

Quero descer ao centro,

saltar para dentro,

quero fugir para não mais sentir.

Liberdade, grito eu…

quando preciso de estar preso,

de sentir-me agarrado, seguro,

e por que mão?

por ti? por ti?

Não, não…

Por um alguém que partiu,

que ouço respirar,

que sinto chamar,

que não consigo,

que não consigo,

deixar de amar.

 

Filipe

 

publicado por flipe às 16:50
link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De Marianne :'D a 12 de Julho de 2008 às 18:26
Olá!!

Não tens de agradecer, olha que eu sou daquelas pessoas que só diz o que pensa . .

Por isso se digo, talvez seja verdade!

Escreves muito bem ^^

Beijinhos
De flipe a 13 de Julho de 2008 às 10:25
Olá..
n sei k dizer, sabias? kero dizer sim, k penso como tu, mas existe algo k n m deixa acreditar assim, como tu tão prontamente dizes, como tu tão prontamente dizes eu escrever... mas obrigado... muito, muitissimo , obg...
beijinhos e um bom domingo
De suissinho a 12 de Julho de 2008 às 20:17
ai como eu adoro vir aqui ler o que tu escreves... *.*
:))

bjinhu*
De flipe a 13 de Julho de 2008 às 10:29
olá... k bom, tão bom ouvir assim algo como tu me dizes... e como fico feliz... obrigado, do fundo... n preciso d dizer, mas sabes, k td isto está aberto, e td o k aki existe n é p mim, mas é p qtos quiserem receber... e tanto k dão!!!
beijinho p ti, e mais uma vez mt obg.
De ρøετïṡα αṉαṡøɾ a 13 de Julho de 2008 às 00:15
Um mundo chega ...

Tao perto não tocas

E esse mundo tem trancadas as portas

E uma palavra tua nele se chega

E nele ja se acabaram tantas horas...

Deixei de sentir

e as minhas lagrimas sao seculos abandonados

E deixo me fugir

em risos sem ecos

Trapezista sem cordas

Caio sem infinito

Logo acordas

Dizendo que estas por ai comigo

Não amo querendo amar

Mas sinto querer quando nao quero

Afasto-me para ninguem me alcançar ...

E destruo tudo de mim tão perto ...

Encruzilhada em centro

Nunca te vi antes la dentro


Fujo como rebelde


Que tua alma me leve ..


Se preso és livre

E eu a nada me prendo

Se morri e nada em mim vive

Entraste no mundo onde me vou perdendo

Nem sei se vou tendo ...

Nao nao ...é quem chega

Mas so ves quem partiu

E o coração abre e meu ser me fecha

Porque viste quem como nunca me viu


So olhas longe

E podes mirar perto

Quem do longe do horizonte

Te viu tardiamente cedo

E as portas estao trancadas como tu

E as chaves no bolso

E so com mero olho nu ..

Se ve um querer de sonho ..

Sabes e por relogios fluindo suspensa

Sento-me vendo pessoas sem nada pedindo

E pairando no ar uma chuva intensa

Molha a quimera de te ver contigo

Nunca agarrada ...

Sou a multidao que existe por mim

Eu sou a menina sem casa

Que procura por quem partiu de ti


Entendes ?..








De flipe a 13 de Julho de 2008 às 10:38
olá---
se entendo... axo k sim, mas tb existe partes k n entendo, ou se entendo, ou n compreendo, ou não penso assim... terei medo d entender... ? talvez... medo d entender o k n devo entender... s bem k d nda tenho medo... diria receio, mas n por mim... pela ilusão... por algo sem sustento.... por algo k todo ele paira, sem bases, e num sopro td pode deixar d ser.. q n mais uma mais nuvem k pairou... ou k deixei pairar... ou mm k quiz q pairasse... n sei.... o k sei é k o mundo k penso tocar pode ser n mais k uma ilusão, uma alucinação em tempo de sede, e no outro mundo, existe algo, q num chamamento, poderá m fazer n mais krer existir em nenhum mundo...

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 42 seguidores

relojes web gratis

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. O Fim.. e o renascer.

. Docemente...

. simplesmente caio.

. Os dias escorrem..

. Brisa

. Inspiração

. Só.

. Acordo, e abraço-me.

. Aqui estou...

. onde estás.....? quem és....

Hug
Photobucket